Um ponto, um conto.

by 21:46
today is a good day to die


 Um dia uma garota, um tanto jovem, pensou não mais servir neste mundo. Ela estava cansada de tudo e até mesmo sem esperança e pensou em seu fim, com a faca no pulso - inocentemente - pensou que iria resolver tudo, passou de leve e pensou "Agora é hora de ir mais fundo." e pela primeira vez a insegurança e o seu medo lhe serviu.  
  Em outro dia, a mesma garota, pensando novamente em seu suicídio perguntou por um instante a alguém que ela deixaria para trás, a quem daria um alívio - ou um fardo. 
- Mãe, o que você acha de pessoas suicidas? 
  E mais um dos seus defeitos lhe foi útil - mania de se preocupar com opinião do próximo a seu respeito. 
- Acredito que são pessoas que não tem fé em Deus. 
  De forma simples sua mãe continuou sua tarefa, como se nada tivesse acontecido, mal sabia dos pensamentos de sua filha - enquanto ela atordoada acabara de tomar um soco no estômago. Voltou para o sofá e ficou sentada pensando entre seus conflitos. 
"Epa... Mas eu confio em Deus."
"Eu tenho fé!" 
   Ela pensava que confiava em Deus. Ela pensava que sabia as coisas da vida. Ela pensava que não havia esperança para ela, mas havia, ela pensava que era inútil, mas no seu fim do túnel ela encontrou uma Luz. 

"Antes eu te conhecia só por ouvir falar, mas agora eu te vejo com os meus próprios olhos." (Jó 42:5) 

@nicksfun

* Baseados em fatos reais. 

(Obrigada Espírito Santo) 



Paradoxal.

by 00:44
Esse ano passou rápido X Esse ano passou devagar. 

     Acredito que o ano passou rápido, mas a quantidade de coisas que ocorreu nele o fez parecer devagar. Sim, isso é uma retrospectiva do ano de 2013. O ano divisor de águas. 

 Esse ano, não vou mentir a ninguém, comecei com o pé esquerdo. Tudo que acontece ao seu redor, inevitavelmente você é atingido, mas vamos lá. Janeiro passou depressa e paradoxalmente, com encontro e desencontros e boas noticias. Fevereiro, volta às aulas com direito a sessão nostalgia  (conheci: Gilmar e Regina) - e já no fim do mês o falecimento de minha vó, tristeza - e mais uma vez nostalgia - o que me fez sentir falta de um pedacinho de mim e amadurecer outro. Março, o Brasil despediu-se de Chorão, de modo bruto e imaturo faleceu em seu prédio, minha irmã ficou mais velha, me inscrevi no intercâmbio. Abril, começa a sessão: "Pedro, help me!" (Hosanna e Isabela também!). Maio, prossegue o intercâmbio e tudo que envolve em seu redor e inicia-se as rodadas: almoço todo mês e participei do flashmob e evangelização na rodoviária e em frente a um shopping de Salvador. Junho: finalmente conheci o meu coach e o quão gente bom ele é - peguei Comunicação Visual nos cursos e Vincentinos - go, go!!!. Julho, descobri que é possível se apegar a alguém durante um mês: hora de dar tchau, choro e mais choro e ganhei uma priminha e party de Wesley. Agosto: Começa o curso. Setembro: 18 anos!!!! e fui escolhida no concurso "Literatura" do colégio. Rumo à Cachoeira. Aniversário da igreja. Outubro: Participei do Flica e comecei a usar óculos. Novembro: Jejum e Fériasss!!! (Fim de SESI), lágrimas e lágrimas.. Passei em química! Vamos gritar. Natália começou a trabalhar. Muchachos é TRIcampeão! Dezembro: Fim do 1º semestre no curso! Reencontro! (23/12) e também no dia 23 o falecimento de minha prima.

  Em 2013 foi o ano que estreitou as relações, conheci gente nova, mas me aproximei das ""antigas"". Tive a oportunidade de mensalmente ter um momento de """"comenhão""" com as meninas do Casa de Davi - momentos de edificação e nos conhecermos um pouco mais. Com o intercâmbio tive não só o "estreitar" das relações, mas também tive que enfrentar meus probleminhas (Pedro que sabe!), acredito que amadureci em algumas questões e percebi que tenho que ralar duro em 2014 para fazer diferente (#partiu).

  Agradeço muito a Deus porque 2013 foi um ano especial. Chorei, tive minhas "crises" bobas, mas eu ri. Eu pude abrir a boca e dizer "Eu tenho amigos - e duas filha (hahaha)", pude sorrir e pensar que no outro dia seria melhor - e foi, pude me comportar como se tivesse 2 anos e depois reconhecer os meus erros - pois a vida é isso... Enquanto há vida, há arrependimento. Ah, 2013 tem uma pitada enorme de saudades e paradoxos - claro - e arte. Em 2013 (calma, esse é o último! hehe) pude aumentar minha fé e vê a misericórdia e a fidelidade de Deus sobre mim - mais uma vez!

E claro, não poderia faltar: fotos.

 ♥ (minha cara = sono.) 


resume-se em: inspiração.

Tchau, SESI... Opa, saudades. MEU JOTA! (:/)
Não gostei dessa foto, massss... Cachoeira - Flicca 2013

Barbie, Bree, Mimika e John. MEU GRUPO! (possessão nível 1000!)
Por ande andei. 
My coach... You're rock, Vince! ♥♥ (Vincentinos, goooo!!!)
PENIEL - Encontro com Deus 2013. 
FLASHMOB (Desperta Salvador, Jesus vem aí!) 
"Comenhão" - (Koinonia)

(FLASHMOB - SALVADOR) 

TOP 5 - POSTS. 

Utopias.

Pessoas que não foram citadas, mas um breve "obrigado":

Tânia - e com isso Jonas, Becc e Cego! 
Patrícia - obrigada ponte, digo Ênedy. 

* Desnecessário agradecer ao Jota, as meninas do Casa de Davi e o Peniel! 

(Exagerei na quantidade de fotos, mas foi inevitável, desculpa.)
Tentei resumi ao máximo o meu ano pra guardar no meu baú. ♥
@nicksfun

OBRIGADA ESPÍRITO SANTO.

Saga: sentir. (nota)

by 23:41


- Está se sentindo melhor? - perguntou. 
- Não - murmurou o Isaac, o peito inflando por causa da respiração ofegante. 
- Esse é o problema da dor - o Augustus disse, aí olhou para mim. - Ela precisa ser sentida. 

A CULPA É DAS ESTRELAS



OES
Tecnologia do Blogger.